A verdadeira amizade não se baseia em interesses, e por isso permanece firme também na desgraça. Podemos dizer ainda que a amizade é por excelência o sacramento da relação humana penetrada por Deus.

(nota de rodapé)

- Bíblia Pastoral