É, eu sou doente pelo Flamengo. Eu amo muito. Amo demais. Até doer. Até o limite da loucura. Porque essa sim é a forma perfeita de amar.

- Carina Buannafina