Mesmo aquele de coração puro, Que à noite faz as suas preces, Pode se tornar um lobo Quando o acônito florescer E a lua de outono brilhar!

- Curt Siodmak